RECEBA AS NOVIDADES DO BLOG EM PRIMEIRA MÃO!

segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

Alta dos preços das motocicletas - ou "Ringo não Perdoa!"

Volta e meia quando vou escrever sobre motocicletas, vem algo a mente que em um primeiro vislumbre não tem nada a ver com o que quero discorrer... Mas num segundo, sempre tem! Caso recente é da lembrança do "faroeste" intitulado para o português como "Ringo não Perdoa", que em sua versão original teria na tradução livre algo como "Por um punhado de dólares a mais...", este sim, bem mais sugestivo para nosso tema. 


 Fato é que desde janeiro do ano passado (2015), já venho alardeando que as motos do segmento "Premium" sofreriam com a alta do dólar (leia na íntegra AQUI!!), e isso quando o dólar passava de "míseros" R$ 2,30 para R$ 2,70... A verdade é, portanto, que esta alta demorou a acontecer.

E verdade também que tomei um belo susto quando vi a Harley Davidson Fat Boy Special reajustada para mais de R$ 70.000,00 (setenta mil reais) e na esteira dela todas as outras da marca, numa média de mais de 20% (vinte por cento) o que é um tanto quando se sustenta que a inflação estaria a mixurucas 10 e poucos por cento no último período de 12 meses (aliás gostaria de saber COMO calculam a maldita inflação "oficial", pois não vi NADA subir só 10 e picos porcento!).

Justificável? Sim!

Viável? Talvez não. Ou melhor, para alguns não... Não mais!

Voltamos todos ao lugar de antigamente, quando motos de marcas consideradas premium eram exclusividade de quem tinha alto poder aquisitivo. Não era para qualquer bico as Harley Davidson's e BMW's, dentre outras. 

E pelo jeito, voltará a não ser para qualquer bico! Aguardemos os novos preços da BMW Motorrad...

Isso é bom? É ruim? Não sei... Mas vamos aos fatos! Aumentou TUDO! Como você queria que as motos não aumentassem de preço? E nem fique muito espantado, pois pode vir mais aumento por aí ainda!


Ah... Mas aí não vai mais ter comprador, dirá você. Ledo engano! O público "premium" sempre consumirá produtos premium, independente de quantos centavos a mais o produto vá custar. Até mesmo porque não há concorrente a altura. Similar? Talvez... Que se possa equiparar? Bom... Tem a Indian, no caso da Harley... Essa com preços maiores. Então... A Harley está no preço! Ponto!

Assim, a Sportster foi de 36 mil e uns quebrados para R$ 42.000,00; a Forty Eight de quarenta mil e um pouquinho (ou não chegava a 40?), para R$ 50.700,00; a Fat Boy de 50 e picos mil para praticamente R$ 70.000,00 (R$ 69.900,00); a Street Glide que se não me engano custava em torno de 70 e algo mil para (extorsivos?) R$ 90.400,00 e... Enfim... Preços de chorar! Literalmente!  

Logicamente, tudo é sempre e invariavelmente uma questão de ponto de vista. Tudo está caro ou é você que ganha pouco? 

Nada importa, pois, afinal, por um punhado de dólares a mais, Ringo não Perdoa!

Até breve!

Crédito das fotos: 
Google images


Aluguel de motos Harley Davidson
Aluguel de motos BMW GS
Tours pelo Mercosul e Tours especiais pela Route 66 e Portugal
Consulte-nos pelo email aek@aekmotos.com