RECEBA AS NOVIDADES DO BLOG EM PRIMEIRA MÃO!

terça-feira, 30 de julho de 2013

R1200GS LC Adventure! Finalmente a cereja do bolo!!!

Sim!

Ela está chegando! A cereja do bolo! O topo do sorvete! Demorou, mas as primeiras "vistas" da GSA Liquid Cooler já anunciam que este será o lançamento do século.

Se os entendidos e novos proprietários tem dito que a R1200GS LC "normal" superou em muito a geração antiga - apesar de alguns "bugs", que são normais em qualquer lançamento - o que se dirá da nova Adventure...

Pelo que se vê, em princípio mantém as características básicas da nova R1200GS LC, com alguns confortos a mais, como os protetores de motor (crash bars), maior tanque de combustível, suportes de malas laterais, etc.



Por hora se fica muito na especulação, principalmente quanto a capacidade do tanque de combustível. "Clássicos" dizem que ficará nos conhecidos 33 litros, enquanto outros, mais ousados, se atrevem a dizer que a capacidade de armazenagem - e consequentemente de autonomia - beirará os 35 litros, levando a moto a proximidade de espantosos 700km de distância em viagem quando se segura a mão. É autonomia para ninguém colocar defeito...


Logicamente esses extras todos refletem invariavelmente no peso final do conjunto. Se a anterior já tinha 259kg em ordem de marcha, a nova Adv não ficará mais magra, de forma alguma. E não estamos falando ainda do conjunto de bauletos! Carregada, passa facilmente dos 300kg. Um peso e tanto, a ser pesado, com o perdão do trocadilho, por aqueles pilotos menores e sem tanta força física. É sempre necessário lembrar que ninguém está livre de um tombamento bobo. Costumo dizer que a moto ideal é aquela que você consegue levantar do chão sozinho. Se precisar de auxílio para levantar a nova R1200GS LC Adventure, então essa moto não é para você. Pense, nesse caso, em algo no mínimo um pouco menor, como a R1200GS LC "normal" ou mesmo a F800GS, ambas excelentes motos também. 

Isso tudo porque devemos considerar que as Adventures normalmente tem suspensões de curso maior, portanto deixando a moto mais alta que as GS LC "normais", ainda que esta tenha vindo um pouco mais baixa do que a anterior. Assim, pilotos com menos de 1,8m, podem sofrer um pouco mais para encontrar os pés no chão. Nada que uma bota com um pouco mais de solado e um salto interno não resolva, logicamente, aliado com outro tanto de técnica. 

Até mesmo porque para ter uma Adventure, no mínimo é preciso coragem, disposição e tempo. Muito tempo...

Não é moto para ficar parada na garagem. Se você não tem tempo para desfrutar dela, então ela não vale a pena. Pense, neste caso, em uma moto que você vá usar também no seu dia-a-dia. A Adv normalmente não está nessa categoria, salvo se você é efetivamente um motoaventureiro com tempo - e disposição - sobrando para desbravar novas estradas. 

E claro, não é só questão disto, mas sim de um tanto de dinheiro na conta para gastar. Pois a nova R1200GS LC Adventures dificilmente ficará abaixo dos R$ 100.000,00, ainda mais se considerarmos o conjunto de cases.

Vale a pena?

Depende de cada gosto e cada bolso.

Agora, que a moto deve ser espetacular...

Você duvida? Eu não.

Até breve!

Crédito da imagem:
www.motorcyclenews.com